Receita Federal altera prazo de entrega da ECD e ECF 2016, exercício 2015

sped-ecf

Receita federal altera prazo de entrega da ECF 2016, exercício 2015. O arquivo magnético deve ser entregue até o último dia útil do mês de junho do ano seguinte ao ano-calendário.

Devido à essa mudança, as empresas também terão um mês a menos de preparo para a entrega do SPED Contábil em 2016, que foi antecipado para o último dia útil do mês de maio do ano seguinte ao ano-calendário.

A entrega da ECF 2015 foi um sucesso para os clientes da Dzyon. E estamos totalmente à disposição para trabalhar em conjunto, orientar, e fazer de tudo para que a entrega de 2016 também seja tranquila, rápida e consistente. Mas além disso, queremos que esse projeto não só atenda a legislação, como também seja útil para dinamizar os processos, analisar os negócios, os números, sempre de forma transparente, integrada e em tempo real.

Instrução normativa na íntegra

ECF: http://normas.receita.fazenda.gov.br/sijut2consulta/link.action?visao=anotado&idAto=69969

ECD: http://normas.receita.fazenda.gov.br/sijut2consulta/link.action?visao=anotado&idAto=69968

 

INSTRUÇÃO NORMATIVA RFB Nº 1595, DE 01 DE DEZEMBRO DE 2015

(Publicado(a) no DOU de 03/12/2015, seção 1, pág. 16)

Altera a Instrução Normativa RFB nº 1.422, de 19 de dezembro de 2013, que dispõe sobre a Escrituração Contábil Fiscal (ECF).

O SECRETÁRIO DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL, no uso das atribuições que lhe conferem os incisos III e XXVI do art. 280 do Regimento Interno da Secretaria da Receita Federal do Brasil, aprovado pela Portaria MF nº 203, de 14 de maio de 2012, e tendo em vista o disposto no art. 16 da Lei nº 9.779, de 19 de janeiro de 1999,

RESOLVE:

Art. 1º Os arts. 2º e 3º da Instrução Normativa RFB nº 1.422, de 19 de dezembro de 2013, passam a vigorar com a seguinte redação:

“Art. 2º ………………………………………………………………………..

………………………………………………………………………………………

VIII – à apresentação do Demonstrativo de Livro Caixa, a partir do ano-calendário 2016, para as pessoas jurídicas optantes pela sistemática do lucro presumido que se utilizem da prerrogativa prevista no parágrafo único do art. 45 da Lei nº 8.981, de 20 de janeiro 1995, e cuja receita bruta no ano seja superior a R$ 1.200.000,00 (um milhão e duzentos mil reais), ou proporcionalmente ao período a que se refere.” (NR)

“Art. 3º A ECF será transmitida anualmente ao Sistema Público de Escrituração Digital (Sped) até o último dia útil do mês de junho do ano seguinte ao ano-calendário a que se refira.

………………………………………………………………………………………

§ 4º Nos casos de extinção, cisão parcial, cisão total, fusão ou incorporação, ocorridos de janeiro a maio do ano-calendário, o prazo de que trata o § 2º será até o último dia útil do mês de junho do referido ano, mesmo prazo da ECF para situações normais relativas ao ano-calendário anterior.

……………………………………………………………………………” (NR)

Art. 2º Esta Instrução Normativa entra em vigor na data de sua publicação no Diário Oficial da União.

Art. 3º Fica revogado o inciso IV do § 2º do art. 1º da Instrução Normativa RFB nº 1.422, de 19 de dezembro de 2013.

JORGE ANTONIO DEHER RACHID

 

INSTRUÇÃO NORMATIVA RFB Nº 1594, DE 01 DE DEZEMBRO DE 2015

(Publicado(a) no DOU de 03/12/2015, seção 1, pág. 16)

Altera a Instrução Normativa RFB nº 1.420, de 19 de dezembro de 2013, que dispõe sobre a Escrituração Contábil Digital (ECD).

O SECRETÁRIO DA RECEITA FEDERAL DO BRASIL, no uso das atribuições que lhe conferem os incisos III e XXVI do art. 280 do Regimento Interno da Secretaria da Receita Federal do Brasil, aprovado pela Portaria MF nº 203, de 14 de maio de 2012, e tendo em vista o disposto no art. 16 da Lei nº 9.779, de 19 de janeiro de 1999,

RESOLVE:

Art. 1º Os arts. 3º e 5º da Instrução Normativa RFB nº 1.420, de 19 de dezembro de 2013, passam a vigorar com a seguinte redação:

“Art. 3º ………………………………………………………………………..

………………………………………………………………………………………

§ 3º A obrigatoriedade a que se refere este artigo e o art. 3º-A não se aplica:

I – às pessoas jurídicas optantes pelo Regime Especial Unificado de Arrecadação de Tributos e Contribuições devidos pelas Microempresas e Empresas de Pequeno Porte (Simples Nacional), de que trata a Lei Complementar nº 123, de 14 de dezembro de 2006;

II – aos órgãos públicos, às autarquias e às fundações públicas; e

III – às pessoas jurídicas inativas de que trata a Instrução Normativa RFB nº 1.536, de 22 de dezembro de 2014.

……………………………………………………………………………………..

§ 6º A obrigatoriedade prevista nos incisos III e IV do caput aplica-se em relação aos fatos contábeis ocorridos até 31 de dezembro de 2015.” (NR)

“Art. 5º A ECD será transmitida anualmente ao Sped até o último dia útil do mês de maio do ano seguinte ao ano-calendário a que se refira a escrituração.

………………………………………………………………………………………

§ 4º Nos casos de extinção, cisão parcial, cisão total, fusão ou incorporação, ocorridos de janeiro a abril, o prazo de que trata o § 1º será até o último dia útil do mês de maio do ano de ocorrência.

……………………………………………………………………………” (NR)

Art. 2º A Instrução Normativa RFB nº 1.420, de 2013, passa a vigorar acrescida do art. 3º-A, com a seguinte redação:

“Art. 3º-A Ficam obrigadas a adotar a ECD, nos termos do art. 2º do Decreto nº 6.022, de 2007, em relação aos fatos contábeis ocorridos a partir de 1º de janeiro de 2016:

I – as pessoas jurídicas imunes e isentas obrigadas a manter escrituração contábil, nos termos da alínea “c” do § 2º do art. 12 e do § 3º do art. 15, ambos da Lei nº 9.532, de 10 de dezembro de 1997, que no ano-calendário, ou proporcional ao período a que se refere:

a) apurarem Contribuição para o PIS/Pasep, Cofins, Contribuição Previdenciária incidente sobre a Receita de que tratam os arts. 7º a 9º da Lei nº 12.546, de 14 de dezembro de 2011, e Contribuição incidente sobre a Folha de Salários, cuja soma seja superior a R$ 10.000,00 (dez mil reais); ou

b) auferirem receitas, doações, incentivos, subvenções, contribuições, auxílios, convênios e ingressos assemelhados, cuja soma seja superior a R$ 1.200.000,00 (um milhão e duzentos mil reais); e

II – as pessoas jurídicas tributadas com base no lucro presumido que não se utilizem da prerrogativa prevista no parágrafo único do art. 45 da Lei nº 8.981, de 1995.

Parágrafo único. As Sociedades em Conta de Participação (SCP) enquadradas nas hipóteses previstas nos incisos I e II do caput deste artigo e nos incisos I e II do caput do art. 3º devem apresentar a ECD como livros próprios ou livros auxiliares do sócio ostensivo, ressalvado o disposto no § 6º do art. 3º.”

Art. 3º Esta Instrução Normativa entra em vigor na data de sua publicação no Diário Oficial da União.

JORGE ANTONIO DEHER RACHID

Saiba a diferença entre ser bondoso e ser fraco

Dzyon_Post_RH_Bondade_rev1-04

Dentro de casa, as pessoas também precisam construir bons modelos. Se alguém só é maravilhoso fora de casa, não merece respeito. Se o seu negócio prospera à custa da sua família, você nunca merecerá nenhum respeito por suas realizações.

Os homens que têm força demonstram também calor humano e bondade. Uma pessoa que não tem força não pode ser gentil no verdadeiro sentido. A força deve estar revestida de responsabilidade e ser exercida trabalhando com paixão neste mundo. Não se esqueça de que sem força não é possível haver bondade. Ser gentil e bondoso não significa perder autoridade e tornar-se fraco. Essas duas coisas não têm nada a ver uma com a outra.

Do mesmo modo, gostaria de destacar que uma mulher realmente bondosa é uma mulher de coragem. Quando o marido enfrenta obstáculos e dificuldades, é a mulher que tem o poder de apoiá-lo e encorajá-lo, e permite assim que ele alcance grandes realizações. O que é preciso nesse caso é coragem. A mulher que tem coragem também consegue ser boa e afetuosa. Bondade não representa fraqueza ou debilidade, mas algo que torna as pessoas mais fortes.

(trecho extraído do livro Estou Bem!, de Ryuho Okawa)

Caso de Sucesso – Móveis Ilan

É extremamente gratificante quando vemos nosso software sendo utilizado tão profundamente, aproveitando todos os recursos existentes e criando novas possibilidades!

Com a mente aberta a inovações, visionária, disposta a experimentar novas situações, aprimorar, nossos clientes inspiram nossa imaginação, nossa criatividade, nos instigam a pensar sob novas óticas e assim, desenvolver ferramentas que auxiliem no crescimento de cada negócio. Mas apenas desenvolver não teria a menor graça se não houvesse também alguém para validar, colocar em prática, dar novas sugestões de melhorias! Por isso, numa parceria constante com nossos clientes, nosso produto vem sendo aprimorado dia a dia. E nossa maior satisfação é ver como a tecnologia pode elevar a qualidade e gerar benefícios em toda a cadeia ao redor.

E assim tem sido o trabalho desenvolvido com a Móveis Ilan! Um projeto que realmente encanta pelo resultado, empenho e alegria!

Junior_Dir_Comerc_Ilan“O Dzyon ERP foi a melhor aquisição da empresa em termos de tecnologia e o GestãoSoft é igualmente uma grata surpresa. Com o GestãoSoft e a mobilidade que ele proporciona para a empresa chegamos a um nível de excelência em agilidade em diferentes pontas do negócio, desde a produção e a organização dos pedidos de vendas até os prazos de entrega. Planilhas de Excel e dores de cabeça por excesso de papelada e desorganização são coisas do passado”.

Gilson Bento de Oliveira Junior – Gerente Comercial da Móveis Ilan

 

Convidamos a todos a conhecer esse caso de sucesso na implementação do Dzyon ERP para gerenciamento do negócio e do GestãoSoft que garantiu mobilidade e agilidade nas operações da Móveis Ilan! Leia o case completo no nosso site!

Dzyon_Post_Cases_Moveis_Ilan_set2015-01_mod

ECF – Missão Cumprida!

Dia 30 de setembro de 2015 foi o prazo para que pequenas, médias e grandes empresas entregassem à Receita Federal a nova Escrituração Contábil Fiscal (ECF), obrigação criada pelo Governo Federal para que todas as pessoas jurídicas tributadas pelo lucro real, lucro arbitrado ou lucro presumido informassem suas operações que influenciaram a composição da base de cálculo e o valor devido do Imposto sobre a Renda da Pessoa Jurídica (IRPJ) e da Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL).

Para atender essa nova obrigatoriedade, a Dzyon implementou a apuração do IRPJ e CSLL, eliminando planilhas e unificando as informações. A partir dos dados contábeis, modelos e planos referenciais, dados fiscais e apuração dos impostos, o arquivo da ECF é gerado de forma prática, consistente e integrada. Porém, mesmo com todos os recursos tecnológicos disponíveis, por se tratar de algo novo, o serviço foi complexo e exigiu 100% de dedicação, comprometimento e trabalho em equipe.

Dzyon_Post_Teamwork_rev1-03

Com esse esforço e união, todos os nossos clientes que utilizam o módulo Contábil e Fiscal do sistema Dzyon, transmitiram a ECF dentro do prazo!

Agradecemos muito a colaboração, a compreensão, a confiança e o apoio de todos os nossos queridos clientes, na realização desse projeto inovador, onde aprendemos muito, estreitamos os relacionamentos e nos divertimos madrugadas à dentro!

Daqui pra frente, o trabalho continua, em busca do aperfeiçoamento, de novos recursos e facilitadores, para a entrega dos próximos anos.

“Mandamos ontem à noite o Sped ECF da Tower sem maiores problemas.
Quero agradecer especialmente vocês do IT e Dzyon pelo empenho e por fazer a tower_logocoisa acontecer.
Sem vocês, com certeza não conseguiríamos chegar a este feito.”
(Otávio Nascimento – Tower International do Brasil S/A)

 

“Gostaríamos de agradecer ao empenho, dedicação e comprometimento da Fabiana (Dzyon) para a elaboração da ECF. ” stryker_logo
(Gandolfi – Stryker do Brasil)

 

“PARABÉNS!!

Hoje enviamos todos os arquivos para o Governo do Projeto ECF!! johnson_controls-logo

Muito obrigado a todos que tornaram esse trabalho possível, foi um trabalho em Equipe e Profissional!! Principalmente o comprometimento do “negócio” muito dedicado com o trabalho do Rafael/Rayane e total apoio dos seus gestores e disponibilidade para tornar tudo possível…
Também do suporte do nosso fornecedor do Software Dzyon e todo conhecimento do consultor Josiel (Dzyon) e Takahiro (Dzyon), que além de conhecimento, paciência… foram muito comprometidos e profissionais!! E o apoio nos “bastidores” e essencial da Thayse (Dzyon)!!

Muito obrigado pelo apoio!! Equipe Forte!! Valeuuuuuuu!!”
(Andreia Santos – Johnson Controls Power Solutions)

Aprenda a desenvolver bons relacionamentos

Gostaria de falar agora sobre um método para ter sucesso no trabalho, destacando o relacionamento entre superiores e subordinados e a maneira como interagem.

Primeiro, avalie se você respeita seus supervisores ou superiores. Na verdade, as pessoas que não têm sucesso no trabalho raramento respeitam seus superiores. É claro que seus superiores e supervisores têm imperfeições humanas, deficiências e pontos fracos. Você sempre poderá descobrir neles coisas questionáveis. No entanto, há outros aspectos deles para os quais o oposto é verdadeiro. Eles ocupam aquele cargo porque alguém num nível ainda mais alto da hierarquia empresarial considerou-os competentes para as suas atribuições. Portanto, se você imagina que a pessoa que está acima de você não tem capacidade e que é cheia de falhar e deficiências, então terá de pressupor que você nunca terá sucesso na sua companhia, sociedade ou organização.

[…] Para ser bem sucedido, além de respeitar os superiores você precisa também amar os que estão abaixo de você na hierarquia. Mas o que quer dizer “amar os subordinados”? Primeiro, significa ajudá-los a melhorar seus pontos fortes e adverti-los a respeito de suas deficiências. Talvez você não tenha contato regularmente com seus subordinados, mas sua responsabilidade como alguém que está numa posição mais elevada é assegurar que eles se tornem indivíduos merecedores de elogios e capazes de trabalhar bem, e que continuem com bom desempenho ao chegarem a posições mais altas.

Dzyon_Post_RO_Sucesso_rev1-05

Portanto, precisará ter muito cuidado para não se sentir enciumado com a capacidade deles. Algumas pessoas sentem inveja quando alguém de talento passa a trabalhar sob suas ordens. Fazem o que podem para dificultar o trabalho do subordinado, criticando tudo o que ele faz. Esses sentimentos obviamente impedem o sucesso do subordinado. Mas, ao mesmo tempo, as pessoas que adotam esse tipo de comportamento também têm seu crescimento na empresa dificultado.

As pessoas que alcançam um sucesso real são aquelas que tendem a apreciar a capacidade do outro. Elas amam aqueles que mostram habilidades que elas próprias não possuem. Amam as pessoas que têm traços de caráter maravilhosos e então se dispõem a ajudá-las a continuar crescendo. Amar pessoas que estão abaixo de você na hierarquia empresarial é dispor-se a acolher sua singularidade e ajudá-las a expandir ainda mais sua individualidade. Isso implica que você sinta orgulho quando conta com alguém muito mais talentoso do que você trabalhando sob suas ordens. Esforce-se para alcançar um estado mental elevado como esse. Só quando você tiver conseguido esta atitude é que será realmente capaz de seguir adiante.

(trechos extraídos do livro Estou Bem!, de Ryuho Okawa)

 

Workshop – A Moderna Gestão Empresarial

Quando os conceitos de Peter Drucker estiverem estabelecidos no Brasil, o futuro será brilhante!

peter_drucker

 

A crise brasileira é profunda e não está parecendo ser passageira. Por isso, este é o momento para repensar a estratégia com base em novos valores empresariais.

 

Diante de tantas dúvidas, como organizar e conduzir o pensamento? As escolas de administração não nos ensinam a pensar. Será que existem metodologias para direcionar os pensamentos e facilitar a busca da resposta correta? Sim, existe! E uma delas é a “Meditação Temática”.

A filosofia capitalista e as teorias de gestão empresarial foram amplamente disseminadas no Ocidente, porém, as técnicas da meditação tiveram origem no Oriente. E, agora, o maior Mestre de todos os tempos, Mestre Ryuho Okawa, desenvolveu a revolucionária técnica da Meditação Temática. Trata-se da aplicação da meditação como forma de pensar profundamente, encontrar a solução, consolidar os ideais e atingir as metas.

Através desta técnica, os participantes poderão meditar profundamente sobre os temas empresariais fundamentais, sob a orientação de Peter Drucker, pai da moderna Gestão Empresarial. É uma oportunidade única para estancar a perda de clientes, queda no faturamento, conquistar novos clientes e aumentar o faturamento.

A crise é uma oportunidade para revermos os nossos conceitos da gestão e, no final, da vida em si.

Milton1

Milton Nonaka, fundador da Dzyon S/A

Participe do Workshop, gratuito, neste domingo, dia 23 de agosto de 2015, das 10h às 12h, que será ministrado, pelo fundador da Dzyon S/A, Milton Nonaka.

Templo da Happy Science
Rua Domingos de Morais, 1154 (entre as estações Ana Rosa e Vila Mariana)
Estacionamento próprio
Tel: 5088-3800
www.happyscience.com.br

Sucesso no Sped Contábil 2015

Desde o início de 2010, todas as empresas brasileiras com regime de tributação Lucro Real são obrigadas a entregar o SPED Contábil, que nada mais é que a substituição dos tradicionais livros de escrituração mercantil em papel por equivalentes digitais capazes de transmitir pela Internet à Receita Federal todos os dados referentes à contabilidade das companhias. O objetivo é facilitar o envio de informações e tornar todo o processo muito mais rápido e transparente.

Dzyon_Post_Teamwork_rev1-02

E mais uma vez, graças ao trabalho em conjunto dos nossos queridos clientes com a equipe de consultores e suporte técnico da Dzyon, todos que utilizam o módulo Contábil do Dzyon ERP enviaram seus dados no prazo, à Receita Federal.

Essa foi uma importante etapa conquistada, pois vai servir como base para o próximo projeto ECF, que deverá ser entregue pela primeira vez até setembro deste ano.

Agradecemos muito o empenho de todos, a colaboração e a harmonia para a realização desse trabalho. Feito assim, com tanta dedicação e amor de todos os lados, o resultado só poderia ser um: sucesso!

Essa é a nossa maior alegria!

Continuaremos na busca pela excelência nos serviços prestados, pois sabemos que sempre podemos melhorar e encantar nossos clientes.

takata-logo“Muito obrigada pelo comprometimento e dedicação na realização desses processos. Madrugadas e finais de semanas trabalhados incansavelmente e a realização com sucesso de um trabalho árduo foram agora coroados com êxito.
Parabéns a todos e nosso muito obrigada!!!!
Trabalho em equipe e com pessoas capazes e eficientes não tem preço.”
(Raquel Ap.Franco Baptista – Takata Brasil S/A)

faurecia_logo“Gostaríamos de agradecer a todos que contribuíram para o sucesso deste trabalho.”
(Margarete MELLO – Faurecia – Finance Shared Service Center)

johnson_controls-logo“Quero agradecer pelo apoio e profissionalismo que vocês nos deram nessa primeira Fase do Sped Contábil.
Muito obrigadaaaaa!! Agora vamos nos preparar para a Fase II – ECF!!”
(Andreia Santos – Johnson Controls Power Solutions)

Projeto “De Olho no Futuro”

Esta é a primeira edição do projeto De olho no futuro, idealizado pela diretoria do Hospital e Maternidade Dois Pinheiros e UFMT. O projeto conta com a participação de 16 professores dos cursos de Medicina, Enfermagem e Farmácia da universidade e 88 acadêmicos da instituição, sendo 65 de Medicina, 12 de Enfermagem e 11 de Farmácia.

de_olho_2

Quase 2,5 mil crianças e estudantes da rede municipal e estadual de Sinop foram avaliadas nas escolas com relação a acuidade visual. Cerca de 30% dos estudantes possuem algum tipo de problema na visão, segundo dados do Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO). O ideal é que a criança consulte um oftalmologista a partir dos três anos de idade, como ressalta o medico oftalmologista, professor da UFMT e coordenador do projeto, Douglas Yanai. “Normalmente os problemas na visão serão detectados em de_olho_3idade escolar, quando se exige mais do olho. É importante que os pais fiquem atentos já nos primeiros anos de vida da criança e que os professores também percebam os sinais de que algo pode estar errado. Dores de cabeça, o hábito de apertar ou esfregar os olhos, tonturas e sensibilidade excessiva à luz podem ser alguns desses sintomas. A miopia ou hipermetropia, quando detectadas no início podem ser manejadas para que não haja prejuízo ao desenvolvimento da visão”, explica Yanai.

Os óculos foram doados pela Casa da Amizade, que é parceira e se encantou por este projeto, que além de atender na área da saúde influencia no aproveitamento educacional dos alunos em sala de aula.

Parabéns, Dr.Douglas Yanai e toda equipe do Hospital e Maternidade Dois Pinheiros, pela iniciativa dessa linda ação social!

 

Questão de modernidade

O Teatro, uma das mais antigas formas de expressão artística da Humanidade, chegou ao Brasil em meados do século 16 pelas mãos dos jesuítas. De lá para cá, muita coisa mudou nesta nossa querida e amada Terra Brasilis. Mas se uma coisa permanece intacta é a paixão dos brasileiros pelos palcos – paixão essa que impulsiona e mantém vivo o trabalho de inúmeras companhias País afora.

Uma delas a Dzyon conhece bem. É a Cooperativa Paulista de Teatro.

Fundada em 1979 na capital paulista, a CPT é responsável pela maioria dos espetáculos realizados no Estado de São Paulo e desde 2013 utiliza módulos do Dzyon ERP para gestão fiscal e folha de pagamento de mais de 3,1 mil cooperados.

Ao apostar na nossa tecnologia, a companhia ganhou rapidez e transparência nos pagamentos e na prestação de contas de recursos públicos, aposentando de vez incontáveis planilhas que geravam retrabalho, morosidade e muita dor de cabeça. Nascia a parceria perfeita, o encontro da arte nos palcos e da arte da boa gestão. Uma questão de modernidade.

Dzyon_Post_Cases_CPT_mai2015-02

Para saber mais dessa história de sucesso, de um projeto cheio de particularidades, muita dedicação e que está gerando excelentes resultados, leia o case completo no nosso site!

Prazeres da Mesa: clientes Dzyon são finalistas

Alegria, alegria! É com muito orgulho que anunciamos que três clientes da Dzyon S/A (isso mesmo: 3!!!) estão entre os finalistas da edição 2015 do Melhores do Ano Prazeres da Mesa, importante premiação do mercado gastronômico brasileiro promovida anualmente pela revista Prazeres da Mesa.

A votação online termina dia 20 de maio, mas ainda dá tempo de conhecer e votar em nossos queridos chefs Viko Tangoda e Andrea Fasano (indicados na categoria Melhor Banqueteiro) e no Restaurante Fasano (finalista como equipe na seção Brigada de Ouro).

Dzyon_Post_Votacao_Buffets-01

Parabéns aos nossos parceiros pela indicação e pelo reconhecimento! Eles foram escolhidos, junto com outros concorrentes, por um time de jurados composto por 180 especialistas de todo o País, entre grandes chefs, críticos, jornalistas e estudiosos da alimentação.

Para nos ajudar a eleger os chefs Viko Tangoda e Andrea Fasano e o restaurante Fasano, basta entrar no formulário online e votar. Boa sorte aos nossos amigos!

Temos muita honra em fazer parte do dia a dia dessas duas referências em Gastronomia – Buffet Viko e Buffet Fasano – que são extremamente criteriosos, inovadores, criativos, e assim como a Dzyon, prezam sempre pela qualidade e satisfação dos clientes, com muita pitada de amor.

Dzyon_Post_Votacao_Buffets_rev2-02

Para saber mais sobre o Buffet Viko, acesse www.viko.com.br, e sobre o Buffet Fasano, acesse www.buffetfasano.com.br.